Pressão baixa em idosos: Conheça os sintomas, as causa e como tratar

Pressão baixa em idosos: Conheça os sintomas, as causa e como tratar

fevereiro 7, 2019 0 Por Amanda

A pressão baixa ou hipotensão ocorre quando os níveis da pressão estão iguais ou inferiores a 9 por 6 (mmHg x 60 mmHg). Normalmente, ela não representa problemas nem apresenta sintomas em adultos saudáveis. A hipotensão é grave em pacientes que estejam em estado de choque devido a infecções graves, falência do coração, perda excessiva de sangue, entre outras causas. Nesses casos, o paciente precisa de remédio nas veias para aumentar a pressão sanguínea e evitar a parada cardiorrespiratória.

Pressão baixa em idosos

Médica medindo a pressão de uma idosa.

A hipotensão em idosos pode significar vários problemas, como hemorragias, veias dilatadas ou desidratação. É preciso conhecer os sintomas de pressão baixar e saber a hora de procurar um médico.

Sintomas

  • Tontura
  • Náuseas
  • Cansaço
  • Falta de concentração
  • Visão embaçada
  • Desmaios

Alguns sintomas como palidez, dificuldades para respirar e confusão mental ocorrem em casos mais graves, portanto é necessário consultar um médico com urgência!

Causas

  • Reações alérgicas: Medicamentos, alimentos ou insetos podem gerar reações alérgicas fortes que podem ocasionar pressão baixa em idosos.
  • Infecções graves: Quando uma infecção se espalha pelo organismo todo, ela pode gerar choque séptico, o que provoca uma redução da pressão arterial.
  • Hemorragias: Hemorragias internas e perda de sangue em virtude de uma lesão ou de um trauma podem gerar a queda de pressão.
  • Desidratação: Pois quando o corpo perde muita água, a pressão geralmente cai. Nesse caso, o idoso pode sentir tonturas, náuseas e cansaço.
  • Falta de nutrientes: A falta de ácido fólico e da vitamina B12 também podem diminuir a produção de glóbulos vermelhos, gerando anemia e hipotensão.
  • Problemas no coração: Problemas nas válvulas, batimentos muito fracos, falhas no coração ou infarto podem causar pressão baixa.
  • Veias dilatadas: Pois quando as veias aumentam, a pressão do sangue reduz.
  • Problemas endócrinos: Níveis baixos de açúcar, diabetes, insuficiência renal (produção baixa de hormônios pelas glândulas adrenais) também geram hipotensão.
  • Alguns remédios como diuréticos (usados para tratar insuficiências cardíacas), remédios para tratar disfunção erétil e alguns antidepressivos também podem provocar pressão baixa.

Tratamento

Idoso tomando um copo de água.

  • Utilizar meias de compressão, pois as meias elásticas ajudam no alívio na dor nas pernas e diminuem a quantidade de sangue aglomerada nos membros inferiores.
  • Beber bastante água, pois os líquidos auxiliam no fluxo do sangue pelo corpo e evitam a desidratação, que é uma das causa da hipotensão em idosos.
  • Ter cuidado com os medicações. Eles podem ser usados no tratamento da pressão baixa. Porém, dependendo dos medicamentos usados, eles também podem gerar hipotensão. Isso pode ser resolvido com a ajuda do médico.

Além disso, também existem diversos remédios caseiros que podem ser usados para tratar a hipotensão:

Chá de tília

A tila possui propriedades hipertensivas, ótimas para elevar a pressão quando ela está em níveis muitos baixos.

Ingredientes:

  • 1 colher de chá de galhos secos de tila (10 g)
  • 1 xícara de água (250 ml)

Modo de preparo:

  • Botar a tila numa xícara de água e preparar uma decocção por 15 minutos
  • Em seguida, deixar em repouso
  • Quando estiver pronto, passar pelo coador, e consumir
  • Beber 2 xícaras por dia.

Bebida de pimenta caiena e gengibre

Uma xícara de chá de gengibre com dois gengibres do lado.

A raiz do gengibre tem a capacidade de melhorar a circulação e possui efeito anticoagulante no sangue. Para intensificar esse efeito, pode-se misturar a pimenta caiena, pois ela é rica em antioxidantes.

Ingredientes:

  • 1 colher de chá de pimenta de caiena moída (5 g)
  • 3 colheres de chá de gengibre gelado (30 g)
  • 1 xícara de água (250 ml)

Modo de preparo:

  • Primeiramente, ferver a água e acrescentar o gengibre e a pimenta
  • Retirar do fogo e deixar em repouso por 10 minutos
  • Consumir em seguida
  • Beber 1 ou 2 xícaras por dia.

Bebida de alcaçuz

O alcaçuz possui propriedades que agem no fluxo do sangue, regulando a pressão arterial. Além disso, ele também provoca um alívio na sensação de fraqueza e nas tonturas. Mas lembre-se de consumir em quantidades pequenas, pois o excesso da bebida pode gerar efeitos não desejados.

Ingredientes:

  • 1 colher de chá de alcaçuz
  • 1 xícara de água (250 ml)

Modo de preparo:

  • Ferver a xícara de água
  • Depois, acrescentar o alcaçuz
  • Após 10 minutos, coar e tomar
  • Beber uma vez ao dia, diariamente, até resolver o problema.

Bebida de alecrim

Uma colher com um pouco de alecrim e uma folhas de alecrim na volta.

O alecrim possui um efeito tônico no organismo que serve para tratar a fraqueza mental e física que está ligada a queda da pressão. As qualidade nutricionais encontradas do alecrim são usadas para incentivar o sistema nervoso central e para aliviar a circulação sanguínea.

Ingredientes:

  • 1 colher de chá de alecrim (10 g)
  • 1 xícara de água (250 ml)

Modo de preparo:

  • Ferver a água
  • Depois, infusionar a erva durante 10 minutos e coar
  • Tomar 2 vezes ao dia.

http://publicacoes.cardiol.br/abc/1997/6801/68010010.pdf

http://files.bvs.br/upload/S/1679-1010/2009/v7n5/a003.pdf